quinta-feira, 26 de novembro de 2015

E AÍ GALERA, SERÁ QUE ESTÁ MESMO TUDO CERTINHO?


domingo, 1 de novembro de 2015

O cientista nuclear Mehran Keshe prevê uma "mega-terremoto" que irá mudar para sempre o mundo.

Os terremotos aumentaram a intensidade e muito do ano 2000 para cá, inclusive com terremotos com mais de seis graus na escala richter e isso é muito preocupante, muito embora os cientistas dizem que está tudo certo, mas o gráfico diz que não está.

Seria esse o mega terremoto previsto em Apocalipse 16 versículo 18: Imediatamente, ocorreram relâmpagos, vozes, trovões e um colossal terremoto. Nunca havia irrompido um terremoto de tão devastadoras proporções quanto esse, desde que o ser humano existe sobre a terra. 

O cientista nuclear Mehran Keshe prevê uma "mega-terremoto" que irá mudar para sempre o mundo: Américas será dividido em dois e milhões morrerão.
O especialista define este evento como "inevitável".
O cientista nuclear: Um fatídico 'mega-terremoto "dividir a América e matar milhões de pessoas "Grande Dilúvio" em os EUA:. 9 pessoas morrem em inundações na Carolina do Sul
Joaquín alertas de furacões ativa e paralisa o tráfego nas Bermudas.
O cientista nuclear iraniano diz Mehran Keshe América do Norte e América do Sul será dividido por causa de um grande terremoto e 'megatsunamis "que poderia" bater América e Ásia matando 40 milhões de pessoas ". Para o cientista, o terremoto é "iminente", relata o portal Expresso.
A previsão é apresentado em uma gravação em que a marca especialista em um mapa vários terremotos que ocorreram nas Américas, três com magnitudes entre 6,6 e 6,9 em os EUA da costa oeste três terremotos no Canal do Panamá e do recente terremoto de magnitude 8,3 que ocorreu no Chile.
"Nós vimos o número de terremotos ao longo da costa oeste de os EUA tem aumentado", diz o cientista. "O continente sul-americano é o ponto de fraqueza. Haverá terremotos de magnitudes entre 10 e 16 anos e, em uma ocasião, um outro de magnitude entre 20 e 24", diz ele.
Como para as previsões sísmicas, os especialistas na Califórnia estimar que existe uma probabilidade de 99 por cento que tem uma magnitude de 6,5 -pelo menos- dentro dos próximos 30 anos: o chamado "Big One '.
A Fundação Keshe, chefiada pelo cientista citado e com sede na Bélgica, diz que a série de terremotos de magnitude entre 6 e 8,3 ocorreu no último mês constituir o início de uma "mega-terremoto" que, em sua opinião, poderia ocorrer a qualquer momento entre agora e no próximo outono.
Vamos observar os sinais dos tempos.
A matéria acima exposta em parte está publicada página Transição Planetária do facebook.
https://actualidad.rt.com/…/188630-cientifico-megaterremoto…